Perfil – Aldebaran de Touro



Deus protetor:
Atena

Tipo de armadura:
Ouro

Golpes secretos:
Grande Chifre – Punho de Aço – Esquiva ilusória

Idade:
20 anos

Data de nascimento:
20 de maio (touro)

Local de nascimento:
Brasil

Local de treinamento:
Brasil

Altura:
2,10 m

Peso:
130 kg

Cabelo:
Castanho Escuro

Cor da íris:
Castanho Escuro

Tipo sanguíneo:
B

DESCRIÇÃO

Tornou-se Cavaleiro de Ouro aos sete anos de idade. É reconhecido como o mais forte fisicamente e é dotado de uma resistência fora do comum, embora demonstrasse pouco o seu poder. Tem uma personalidade bastante sincera e despachada, sem se preocupar com as aparências. Parece gostar muito de crianças também.

O Grande Chifre, sua principal técnica, é uma alusão ao chifre de um touro bravo. Golpe que une ataque e defesa em um único ponto. Dando a vantagem ao dourado de não ser atacado enquanto destroi seu inimigo com a parte ofensiva da técina. A postura utilizada pelo cavaleiro de touro se assemelha ao Iaijutsu (golpe rápido de espada desferido em guarda), onde ele vai em alta velocidade com seu ombro a frente do corpo e transfere um poderoso golpe com sua mão oposta destruindo o seu adversário. Na primeira Batalha das doze casas seu oponente foi Seiya de Pégaso, que descobriu seu ponto fraco, tendo seu chifre arrancado. Então deixou que Seiya passase para que Pégaso revelasse a verdade sobre o Grande Mestre.

Posteriormente o Cavaleiro de Touro enfrentaria o General Marino Sorento de Sirene (apenas no mangá), e pela primeira vez mostraria todo o seu potencial, pois na luta Sorento reduziu o poder de Aldebaran a 1%, e mesmo assim lançou o Marina longe com seu grande poder, mas mesmo assim Aldebaran tombaria com o poder de Sorento, considerado o mais poderoso General Marina, levando em fato que não é qualquer que consegue reduzir o poder do seu inimigo á apenas 1% do seu poder real.

Na invasão dos Espectros de Hades, lutou contra Niobe de Deep e teve uma morte heróica (ironicamente o nome de seu algoz é o mesmo da flor que Aldebaran segurava no momento, Clematis Niobe). Em seguida, derrubou o Muro das Lamentações junto com os outros Cavaleiros de Ouro. Já no Episódio G, salva Aiolia e Shura derrotando uma fera, a Hidra de Lerna, um ser considerado imortal com apenas um golpe, utilizando apenas uma de suas mãos, pois a outra estava segurando a Balança de Têmis. Ele confronta Réia, a titanide, mulher de Cronos, mas sua luta fica inacabada, pois a titã foge do conflito. Posteriormente, ele derrota a titã.

O que chama a atenção é sua grande força física, tanto que é chamado de “touro dourado”, mas é interessante reparar que ele também possui um imenso poder que envolve rajadas cósmicas.

Espero que tenham gostado! Saudações!

Sobre Amauri E. Hitchens

Sou um blogueiro feliz! :)
Esse post foi publicado em Cavaleiros do Zodíaco, Os, Perfil dos Personagens e marcado , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

6 respostas para Perfil – Aldebaran de Touro

  1. arilson disse:

    euuuu adoooooroooooo os cavaleiros do zodiaco

  2. gabriel alves disse:

    eu acho que aldebaram ficaria mas legal com uma sapuri negra

  3. Pingback: Perfil – Cavaleiros de Ouro | Blog do Fênix Dourado

  4. Pingback: Índice – Perfil dos Personagens CDZ | Blog do Fênix Dourado

Deixe seu comentário, é muito importante para nós!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s